Crônica · Séries

O aviso de Rory Gilmore

rory-rules

(SPOILERS de Gilmore Girls: Um ano para recordar)

Gilmore Girls; a série que salvou as minhas tardes aborrecentes, que mostrou que eu não estava sozinha no mundo. Existia, em Stars Hollow, uma jovem que amava livros tanto quanto eu. E o que eu mais gostava nela era o fato de que estudava por nós duas. Rory era quase como uma amiga.

Daí, uma década depois, um anúncio mágico de revival – Netflix, eu te amo. Eu imaginava encontrar Rory no topo da cadeia jornalística, sendo uma mulher mega organizada e dedicada. Porém, o que encontramos? Uma Rory um pouco mais, bem, real. Lutando como escritora freelancer, caixas da vida espalhadas por todos os lados e fazendo todos os tipos de tentativas frustradas para conseguir um emprego decente. As entrevistas de trabalhos foram reais demais. Uma Rory mais gente como a gente, relutante em “voltar” para casa, em aceitar pouco e achar que merece mais (pois ela merece). Porém, foi estranho ver uma menina que venceu tantos desafios em uma situação tão “vida como ela é”.

E por mais aliviada que eu tenha ficado de ver Rory mais como todos nós, ao mesmo tempo, eu me senti traída. Eu sofri com essa menina, torci por ela, comemorei com ela. Eu a queria com uma coroa na cabeça. Dona de tudo, mandando em homens, dando um sermão em um empregado por cometer um erro em seu jornal (sim, você leu corretamente, um jornal só da Rory).

Rory era mais um exemplo de que o mundo é de quem estuda, persiste, se dedica. E de repente, ela está no marasmo da vida adulta (até mesmo Rory tem que passar pelo marasmo da vida adulta?!). Então, se até a menina mais estudiosa do mundo se encontra sem casa e emprego, apesar do seu currículo impecável, o que resta para nós, meros mortais?

Seria esse revival um aviso para todos nós?

Um aviso de que precisamos nos entregar mais, de que não devemos esperar demais. Nos deixando um recado de que nem sempre a vida toma os rumos que esperamos, de que às vezes é preciso “voltar” e recomeçar, sem vergonha, sem relutâncias, e com nossas escolhas e suas consequências ainda conseguir sorrir e fazer tudo valer a pena (assim como Lorelai fez quando Rory entrou em sua vida, como um ciclo, né?).

Anúncios

Um comentário em “O aviso de Rory Gilmore

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s